Pesquise no Mida do Futuro

26 dezembro 2009

Facebook vs. Orkut


Encontrei hoje em uma revista Veja do mes passado uma notinha que mencionava um comparativo avaliacao entre o Facebook e o Orkut. Entrei na pagina da Veja online e achei o artigo muito interessante. Gostaria de compartilhar esta avaliacao aqui com voces. Acessem o link clicando aqui.

"Orkut e Facebook travam um duelo nada silencioso pela preferência dos brasileiros nas redes sociais. O primeiro ainda reina no segmento, mas tem visto o concorrente avançar. De olho nessa briga, a reportagem decidiu ouvir o alvo da disputa: o usuário. Convidamos seis seguidores do perfil de VEJA.com no Twitter: dois deles mantêm contas ativas em ambos os sites, dois usam só o "novo" Orkut e os restantes, apenas o Facebook. Eles atribuíram notas a cada um dos seguintes parâmestros das redes, comentado-as: organização, privacidade, aplicativos e upload de fotos e vídeos. Os convidados explicaram ainda por que preferem esta ou aquela rede social e apontam os problemas de cada uma. Confira os resultados no infográfico."

Por Cecília Araújo

Google planeja lançar aparelho celular em 2010

O Google pretende lança um telefone celular em 2010 e que será vendido na internet para os consumidores. O aparelho será chamado de Nexus One e usará o sistema operacional Android, elaborado pela própria empresa, informou o Wall Street Journal.


“O Android é um projeto muito mais ambicioso do que um aparelho porque irá funcionar em milhares de telefones de dezenas de fabricantes em todo mundo”, afirma Eric Schmidt, presidente mundial e principal executivo do Google.
Em seu blog oficial, no sábado (12/12), o Google informa que distribuiu para muitos de seus funcionários em todo mundo um aparelho inovador que utiliza o sistema Android. "Isso significa que eles poderão testar a nova tecnologia e ajudar a melhorá-la", escreveu Mario Queiroz, vice-presidente da empresa.
Nos últimos anos surgiram especulações que o Google lançaria um telefone celular com sua marca, que os blogueiros chamavam de gPhone.


Informações da Folha de S. Paulo , O Globo e Comunique-se.

25 dezembro 2009

Feliz Natal do Midia do Futuro !!!



O Midia do Futuro Deseja a todos Feliz Natal!

05 dezembro 2009

Estudo revela que Facebook e Twitter aceleram mudanças na mídia

Um estudo revela que a transformação dos veículos de comunicação na América Latina será mais acelerada nos próximos anos com o impacto do Facebook e do Twitter. A pesquisa apresentada nesta sexta-feira (04/12), em Miami, mostrou que a penetração da Internet no continente cresceu nos últimos anos, com 136 milhões de usuários na América do Sul, 33 milhões na América Central e 22 milhões nos países do Caribe.

"Estamos em um processo de revolução da comunicação semelhante ao ocorrido com a Revolução Industrial. Seu impacto afeta a América Latina em particular", afirma Sergio Roitberg, presidente da Newlink, empresa que realizou o estudo. "Poucos fatos explicam com mais clareza o impacto das redes sociais do que a influência e notoriedade adquirida pela blogueira cubana Yoani Sánchez. Quem poderia imaginar que, com um blog a partir de Havana, tivesse tal impacto e inclusive entrevistasse o presidente dos Estados Unidos?", questiona.

Para Roitberg, os jornais ainda terão seu peso, não no impresso, mas no digital. As novas mídias crescem ao ponto de mudar o panorama da influência dos veículos de comunicação tradicionais."O que morreu é a clássica via de distribuição e o monopólio que a imprensa tinha no controle da mensagem. Agora, como demonstrou Yoani Sánchez, se evita o filtro dos meios convencionais e se dirige diretamente ao consumidor final".

Ele ainda ressalta que a convergência de mídias na Internet é outro fator de mudanças. Como exemplo, cita a criação de um serviço de televisão online. "NewTV é a nova mídia. É a nova fronteira da comunicação interativa e instantânea que coloca as pessoas em primeiro plano e que obriga governos e empresas a reagir para adaptar-se a este novo modelo de comunicação de mão dupla".

Informações da EFE.

02 dezembro 2009

Associação Mundial de Jornais defende conteúdo pago na internet


A Associação Mundial de Jornais (WAN, sigla em inglês), defende que o conteúdo noticioso de jornais impressos seja cobrado na web. A entidade se baseia em um estudo divulgado nesta terça-feira (01/12), na abertura do 62º congresso da Associação Mundial de Jornais (WAN, na sigla em inglês).



A pesquisa “Tendências”, conduzida pela consultoria PricewaterhouseCoopers, aponta que as empresas jornalísticas não têm tido um bom faturamento na web. O estudo diz que em 2008 o bolo publicitário global dos jornais foi de US$ 182 bilhões, sendo que apenas US$ 6 bilhões vieram da internet. O estudo prevê que as vendas de espaço na web não passarão de US$ 8,4 bilhões em 2013.
"Se os jornais quiserem manter sua liderança em conteúdos de qualidade, alguém vai ter de pagar por isso. Vamos ter de resolver a questão do pagamento digital, e rápido", afirmou Timothy Balding, co-CEO da WAN.
Apesar desses números, o estudo também mostrou uma melhora na circulação dos jornais. Em 2008 a circulação cresceu 1,3% em relação a 2007, e 8,8% nos últimos cinco anos. A alta foi puxada pelos mercados emergentes.
O Congresso também apresentou alguns outros números, como a penetração dos jornais no mundo e de circulação. Atualmente 1,9 bilhão de pessoas, ou 34% da população mundial, leem um jornal todo dia, acima dos números de acesso a internet, que é de 24% da população mundial.
As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

01 dezembro 2009

Facebook também está modernizando sua aparencia...

Há algumas semanas atrás o Facebook mudou um pouco seu design. No entanto tudo indica que as mudanças não foram suficientes e seus desenvolvedores não estão contentes com os resultados e já estão testando novas mudanças.
Ainda não faço idéia de quando eles irão lançar as atualizações, no entanto já dei uma olhadinha em algumas telas (screenshots) do novo Facebook que estão disponíveis em alguns sites especializados da web. Acredito que a maioria das mudanças são mínimas, no entanto algumas valem a pena dar uma olhadinha, pois são interessantes e demonstram a estratégia do futuro do Facebook.




Veja abaixo algumas observações referentes ao novo design:
  • Todas as notificações foram movidas para o canto superior esquerdo. Notificações, solicitações e a caixa de entrada estão agora bem próximas ao logo do Facebook. O bate papo no entanto, continua no canto inferior esquerdo.
  • A busca agora está muito mais em evidência com o novo design. Com a caixa de buscas localizada no meio da página ao invés do canto direito, o número de buscas realizadas no Facebook tende a subir substancialmente. Facebook quer focar em seu novo buscador em tempo real para então competir com o Twitter.
  • A foto de seu perfil e o status aparece agora na homepage. Se voce buscar no design atual do Facebook seu status, irá notar que voce localiza as atualizações de todos seus amigos, no entanto o seu status não aparece constantemente na pagina, fazendo com que voce se esqueça de atualizar seu status de vez em quando. Isto é um problema que o Facebook já deveria ter resolvido há um bom tempo atrás. Agora, junto a sua foto, voce ve seu ultimo status o tempo todo.
  • Tem uma nova linha que divide o conteúdo principal da página. Ela separa o menu de navegação esquerdo e as notificações de todas as atualizações e postagens de seus amigos e páginas que voce é fã.
  • Agora voce pode ver sua caixa de entrada na pagina principal (homepage). Isto é realmente uma mudança importante no novo design. Voce vai ter acesso direto as suas ultimas mensagens sem ter que deixar a pagina principal.
Objetivos do Facebook

As mudanças não são realmente tão expressivas. Para mim, são pequenos ajustes que irão ajudar a aumentar a o engajamento dos usuários com o Facebook.
Tudo indica que o foco está em torno do aprimoramento das buscas, respostas a notificações e a facilidade em atualizar seu status. Movendo a caixa de procura me parece uma medida muito inteligente visto que um dos objetivos chaves do Facebook é realmente apostar em sua ferramenta de busca social no futuro.
Também facilitando o acesso a sua caixa de entrada fará com que usuários possam usar mais frequentemente o serviço de mensagens, que hoje é pouco usado. A mudança de status também indica uma mudança apropriada e coerente. Tudo isto com certeza irá aumentar a quantidade de conteúdo que os usuários passarão a gerar.
Vamos ficar de olho nas mudanças e esperar que logo logo elas estarão disponíveis.